Saudações.

" Não quero lhe falar meu grande amor; das coisas que aprendi nos discos...
Quero lhe contar como eu vivi; e tudo o que aconteceu comigo (...)"

(Antônio Carlos Belchior- Como nossos pais)

terça-feira, 17 de novembro de 2009

Ah! Se eu pudesse.

Se eu pudesse saber teus defeitos,
Não contaria a ninguém. Esconderia comigo.
Se eu pudesse saber teus desejos mais profundos,
Realizaria-os. Se eu pudesse!
Se eu pudesse descobrir o segredo que tens escondido,
Realizaria-me. Confesso.
Se eu pudesse dizer que te amo, e quando me arrepender
(Se isso acontecer) Pudesse desfazer,
Diria a todo instante.
Se eu pudesse por um fim nas minhas dúvidas, fim nos
meus medos. Daria o fim. E teria o fim que desejo.
Ah! Se eu pudesse te contar o segredo que guardo em meu
peito com tanto zelo.
Diria, meu amor eu te amo! És tu o fim que mereço.
Desde de sempre por te tive apreço, mas agora, é mais
que isso, é anseio.
Se eu pudesse, mataria o que sinto, pra não sofrermos.
Não detenho-me. Te desejo. E quanto a isso, nada posso.
Pois nada temo, em relação ao amor.
O que acontecer, temos de viver. E pronto. Acabou!

hehe

9 comentários:

Eric R. disse...

Uau
Não podemos tudo, mas a medida do que podemos devemos fazer.
Desejo, satisfações pscicocorporais e amor tudo muito complicado ,mas imposiveis de não se sentirem e de não se viver.
Ah se nós podemos nos precaver de todo sofrimento, nos deter das possiveis desiluções.
Mas tudo o que acontecer,realmente,temos que viver.

Maravilhoso texto.

Beijão :D

Eric R. disse...

Pois é infelizmente talvez tenha que deixar o blog, pelo menos por um tempo.
Mas são coisas da vida.

Mas não me esqueço dos amigos de blog,incluindo você ,obviamente.

Abração!

Eric R. disse...

Rsrs
Sim tudo bem,obrigado por sentir minha ausencia rsrs
Mas pode ter certeza que ,sempre que possivel passarei por aqui.
Junta faculdade, trabalhos, e mais umas coisas que acontecem sem esperarmos,dai ja viu.
Mas obrigado.

Beijão Srta Mel :D

Dil Santos disse...

Oi Mel, tudo bem com vc?
Menina, lindo.
Se pudessemos voltar atrás de algumas decisões, alguns atos tomados, evitaríamos tanto sofrimento heim?
Adorei ela tbm, minha cara essa música, kkkkkkkkkk
Pergunta o nome a ela por favor, rs.

Bjo
:)

Denise Marinho disse...

senti sua fallta HAHA :)
obg amor , tue tbm ta lindo lindo :)

orkut ?

dand disse...

Mel...sempre com um toque de paixão nos seu textos hein...
Sou romântico que nem você. A diferença é que não sei escrever poemas.
O que mais gostei foi: Se eu pudesse, mataria o que sinto, pra não sofrermos.

Se a gente pudesse matar as causas do sofrimento, seriamos mais felizes ne?

um grande bjo..e Parabéns pelo Poema.

Jéssica Caroline disse...

Se eu pudesse por um fim nas minhas dúvidas, fim nos
meus medos. Daria o fim. E teria o fim que desejo.

adoreiiiiiii
tenha uma boa tardee linda
beijaoo

Tatiana disse...

Oi Mel... que palavras mais belas e cheias de sentido!
Gostei muito da sua forma de expressão.
Obrigada por sua visita ao meu blog.
Estarei sempre por aqui...
Beijos

Priscila Rôde disse...

O "se" é um problema na minha vida.. rs

Ps:. Que bom que estar melhor! Minhas vibrações positivas fizeram efeito.. rs
Espero que permaneça assim, ok?

Um beijo, Querida. Obrigada pelos comentários!