Saudações.

" Não quero lhe falar meu grande amor; das coisas que aprendi nos discos...
Quero lhe contar como eu vivi; e tudo o que aconteceu comigo (...)"

(Antônio Carlos Belchior- Como nossos pais)

quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

SAUDADE


A saudade que sinto...
É como a saudade que sinto de mim, quando
Esqueço-me para lembrar de te.
É como se faltasse algo que nunca tive.
Confuso pra entender.
Pra explicar teria de escrever livros.
Talvez assim em algum deles, sem perceber
Escrevesse detalhes teus.
E então de uma vez entenda o que de fato sucedeu.
Algo que explique o motivo de tanta saudade!
Já me faz falta o que há por vir.
Lembro o dia em que o conheci.
Não sinto saudade do fim.
Digo bem alto que não penso nisso.
Quando o fim vier, terá acabado o que sinto.
Terá morrido minha saudade.
Terá morrido minha vontade de
Lembrar de te e lembrar de mim.
Terá sido o fim da saudade que senti.
E o fim da história que vivi.
Por fim, terá sido o fim de tudo que havia em mim.

14 comentários:

Eric R. disse...

Ola minha querida Mel.
Saudades :D
Bom te "ver" por aqui novamente.
Saudade é algo que ao mesmo tempo é bom e ruim.
Mas prefiro sentir saudade só do que é especial ( como você por exemplo)
A saudade é como o amor não tem explicação , apenas se sente.
Belo poema.

Beijão e que este final de ano nos renda muitas alegrias, coisas boas e muita inspiração.

:D

Eric R. disse...

Confesso que também senti falta do "Mel' do teu blog rs X)

Beijão, uma ótima noite.

Anônimo disse...

TA LIIIIIIIIIIIINDO MEEELSINHAA , te amote amo te amo

Lady from the city disse...

dá até uma agonia ler teu post...me lembra tanto de um acontecimentos recente...ai ai...é isso q eu to sentindo. saudade. beijooos. amei o blog

Diego Morais disse...

A saudade é mesmo algo complicado de se entender. É mais fácil senti-la, assim como o amor.
Mas gostei do post.
Muito interessante.

Abraão Vitoriano disse...

a saudade é precisa na hora de "ajeitar" os sentimentos...

gostei daqui,
seu blog tem algo de luz
é especial!

beijos,
do menino-homem

Nathani disse...

Oi!
Queria agradecer a visitinha no meu blog, é já li muitas coisas de Clarice e já sou fã do jeito que ela nos faz acreditar e se identificar com seus personagens. Vale a pena ler Gossip Girl e Diário da Princesa, apesar de ser tão diferentes são muito bons. Obrigada mais uma vez, aparece por lá!!! Beijos e até a próxima!!!!

Priscila Rôde disse...

Sinta saudades apenas do que merece algum sentido. No mais, apenas esqueça. Para que ter saudades do que nunca foi nosso, se fosse estaria aqui bem perto da gente, não sentiriamos tanta falta assim. Saudade aperta o peito, deixa um vazio, nos arranca lágrimas e que essas sirvam apenas pra regar a nossa fé e consolar o nosso teimoso e às vezes corrupto coração!

***

Querida, obrigada pelo carinho que colocou no seu comentário. Obrigada também pelas felicitações, pela admiração!Um beijo enorme e um belo natal!

Tania Girl disse...

A-do-rei!!!
simplismente perfeito!!!:D
naum tenho nem palavras..rsrsrs
bjuuuuuuuuu

Tania Girl disse...

to te seguindo tbm....
bjooooooooooocas

dand disse...

Oi Mel , saudades de ti menina...
Saudade é um trêm complicado né, pq as vezes vem embutida de sofrimento, ou de alegria, ou de lamentação ou de conformidade. Eu sou assim, sinto saudades mas sempre acompanhada rsrs.

Adorei o que vc escreveu, cheiro de doçura mesmo.

Bjos e ótimas festas de fim de ano.

Aniinha ;D disse...

Feliz 2010 pra vc e familia colega (:

Dani disse...

hum.. saudade é uma das sensações que eu mais tenho vivido ultimamente.

essa palavra especificamente me levou a ler teu blog.

beijos

Mel disse...

Obrigado pelos comentários pessoas que gosto
muiito. :)